Cada um fazendo sua parte, até o Destino!

nathaniel mckenzie

“O tarô não cura; mas ele detecta a doença”

O tarô poderá revelar sua natureza, avaliar suas metas, mostrar os obstáculos e te direcionar as verdadeiras soluções fazendo-o ver a região silenciosa de sua existência. E você, unicamente VOCÊ, deverá crer, desejar e agir para que se obtenha de fato a tomada de consciência e resultados melhores.

Para tanto, o tarólogo tem obrigações a cumprir, ética a manter e adquirir um conhecimento ampliado para as corretas interpretações que fará dos símbolos e arquétipos, além é claro, de não fazer bajulações com palavras vazias e inúteis que impedem a tomada de consciência. Ao tarólogo se pede maturidade, coerência e OLHOS LIVRES; exige-se sabedoria na interpretação da vida e compreensão dos mecanismos que sustentam o espírito do universo – sobretudo o humano.

Já o “cliente” deve realmente desejar e se movimentar para que o Tarô se abra, se ilumine e mostre as ROTAS que carecerão serem percorridas com coragem, amor e Fé. A esse pede-se a responsabilidade do esforço, do interesse, da entrega, da crença e da ação. É fato: todos saem do jogo com uma ou algumas missões, todos saem aconselhados e reflexivos, todos saem felizes e tristes, ricos e pobres, acalentados e despidos… Porém as proporções de cada atributo dependem somente de suas ações, de como bate seus corações, de como movem seus olhos e como cortam as cartas.

“Tarô revela, Tarólogo interpreta e Você age!”

Passos fortes, firmes e caminho iluminado. Que possamos, todos, aproveitar as maravilhosas e encantadoras oportunidades que o Destino nos concede… Axé a todos, estou preparadíssima e em reza a fim de alcançarmos a pura revelação através dos símbolos e arquétipos do Tarô…. E que muitas rotas se revelem!!!
por Mãe Mônica Caraccio